Tá Tudo Bem Com Meu Corpo (?)

Esse vai ser um daqueles posts que é mais um desabafo que qualquer outra coisa... Então, entre avisado.

Esses dias eu tenho pensando muito no meu corpo.
Eu já devo ter falado umas muitas vezes por aqui que eu sou gordinho e peludo, e esse não é o padrão aceitável, na sociedade sim, mas ainda mais no meio gay. Onde, como eu também já disse, os padrões são bem rígidos e segregados.

Eu sei que tem caras que gostam do meu tipo de corpo, mas em 90% (sem exagero nenhum) das vezes, esses caras que gostam do meu tipo de corpo, são caras com o mesmo tipo de corpo.
Sem problema nenhum, como eu também já disse aqui, eu gosto de vários modelos de homem.
Só que nessa afirmação também mora o problema. Nesse mesmo pensamento, eu gosto de caras padrãozinho, de caras fortinhos, de caras com estilo twink... E esses modelos de homem não olham na minha direção. No nosso meio, podem notar, nós só tendemos a olhar para os nossos semelhantes. Não sei se por que realmente gostamos, ou por imposição do próprio padrão, mas enfim... O assunto desse post é o meu corpinho, fofo, gordinho e peludo.

Eu sempre prego para meus amigos o "amor ao próprio corpo", que é uma das ideias muito defendida principalmente em mídias sociais hoje em dia; que você se ame do jeito que você nasceu. 
Eu imagino que nos dias atuais existe uma briga de gigantes: O "Ame seu corpo naturalmente" versus "Mude sua aparência para ser "amado" por outros".
Por que, vamos ser sinceros, aparência conta muito na nossa sociedade sim. Eu cheguei inclusive a ver que, segundo estudos antropológicos, pessoas "bonitas" se dão melhor na vida.
Então fica meio difícil você amar sua aparência num mundo em que sua aparência pode te ajudar a conquistar as coisas na vida, claro, falando no caso se você fugir desse padrão. 

Fato é que é uma luta diária, se amar. É um exercício que você faz com você mesmo todo santo dia, por que você mesmo que tem que acreditar antes de tudo, e muitas vezes você falha. Se você passa ou passou por isso, tenha aqui meu carinho e empatia.
Eu invejo muito as pessoas, principalmente os gays que vivem nesse regime de aparência, que vivem bem a vida se amando do jeito fora do padrão que nasceram.
Bom, pelo menos eles aparentam que sim. Deve ser aquele caso, "se você contar uma mentira muitas vezes, ela acaba virando verdade"; então, se você sempre mostrar que está feliz, as pessoas acreditam.
Mas também não creio que todas as pessoas sejam assim. Sério, eu invejo de verdade quem ama o próprio corpo fora dos padrões. Palmas eternas e muitas felicidades à vocês.

Novamente voltando a mim: Eu tenho levar essa politica de "eu amo meu corpo" pra minha vida, e no meu caso eu vivo a alternativa da mentira contada muitas vezes. E eu tenho com muita força.
Só que quando você "apanha" tanto da vida por conta da sua aparência, como eu, é bem difícil de aceitar.
Então eu me peguei numa dúvida: Eu realmente amo meu corpo, ou só estou tentando me fazer acreditar para me sentir melhor e de alguma forma indireta ser considerado um 'cult'?
Tipo, onde fica a área do "eu quero aceitar meu corpo de verdade" e a do "eu estou me enganando para não me sentir um pedaço enorme e gordo de bosta"? A linha entre elas é fina? Não é fina? Ela existe?!
Eu me peguei sem saber dizer se eu estava fazendo isso para realmente ficar bem comigo, ou se eu só queria me iludir para achar que eu tava bem assim, quando na verdade, para mim mesmo, eu não estava.

Então eu entro em outros empasses: "Continuo assim ou emagreço?"; "Trato ou não meu cabelo?"; "Guardo dinheiro pra uma plástica?"; "Devia entrar na academia?".
Eu não sei mais se é o que eu quero, ou se eu simplesmente estou acomodado, aliás, estou querendo me acomodar.
Por que, sim, eu admito, eu gostaria de ser visto com bons olhos por todos os modelos de homem; só que o meu tipo só agrada uma fração mínima, e eu poderia me tornar um tipo que agrada a maioria esmagadora.
Aliás eu acho que são pensamentos assim que levam gays as academias, clinicas de estética e mesas de cirurgia plástica. Quantos fazem mudanças por que simplesmente querem, e quantos fazem por que querem ser mais atraentes? Acho que sabemos qual é a maioria... Até fora do meio, a maioria se mantém.

Mas eu volto a outro ponto: "Eu penso assim por mim, ou a imposição do padrão é tão forte que deturpa meus pensamentos?"
É outra questão que remete a representatividade, segregação, e até preconceito das piores formas.
Talvez se o padrão não fechasse a mente dos gays, eu nem estaria escrevendo esse post sobre os dilemas do corpo homossexual, por que as relações partiriam de simpatia (não a mandinga...), e não baseada em se o cara tem um bíceps saliente e um cabelo undercut tratado com bons cremes.

Enfim... Eu falei, falei e não cheguei a porra de lugar nenhum.
Sigo com meus dilemas, sem saber como lidar com meu corpo e o que fazer com ele de verdade. Se realmente quero me amar, se estou me enganando, se estou sendo forçado a pensar assim por influencia pútrida e externa... 
Se você tem pensamentos parecidos, me conta aqui nos comentários. E se você tem uma resposta pra mim, por favor, me fala também, por que até o momento eu to sem nenhuma nem pra mim mesmo...
Até eu achar a resposta, voltei a me exercitar em casa.
Estou perdido...


Até outro dia, meus peludinhos.
Abraços de urso! <3


Email para Contato: contatokayj@gmail.com
Meu Twitter (+18): @KayJXXX

Comentários

  1. Anônimo26/4/18

    Eu descobri seu blog pelo Volupia :)

    Eu já pensei em alguns dos seus pontos várias vezes, sou urso e tipo, os caras com quem eu fico são semelhantes a mim, aliás, curiosamente se vc for no grindr, toda vez que um cara escrever que procura semelhantes, provavelmente esse cara é bombado, har.

    Enfim, aí eu penso, nossa, raramente eu fico com alguém de tipo físico diferente, mas esse pessoal geralmente não se sente atraído por mim.

    Eu faço uma analogia entre ser urso e ser uma banda indie. Vc tem seu público, porém ele é limitado. Se vc emagrecer/tornar seu som mais pop, vc acaba atraindo mais gente.

    Já ao contrário de vc, eu nunca tive esse lance do ame seu corpo, talvez pq eu sempre quis emagrecer, é curioso, que quando eu descobri os aplicativos eu relaxei mais ainda em questão de dietas e talz, pois eu consegui sexo sendo gordo, haha, o que eu pensava ser impossível (eu ri, mas é meio triste isso, embora seja verdade). Não tenho uma opinião verdade, até que ponto vc ama seu corpo e até que ponto, vc ama pq bem...a outra opção não é legal, não é mesmo? E o papel da midia nisso tudo, a sociedade e talz.

    O grande problema para mim ao menos, é que agora, perder peso tornou-se um pouco uma questão de saúde, então se antes a questão era só estética, agora eu realmente teria uma vida melhor se emagrecesse.

    PS: Já to falando demais, mas uma coisa que acho interessante e ruim é que estão resignificando o que é ser urso parece. Virou o estereótipo de cara alto, barbudo e parrudo, não necessariamente gordo, não necessariamente peludo.

    Tudo de bom cara :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, cara.

      Primeiramente é bom saber que tem alguém aqui, hahaha (devo uma mamada ao Pietro por isso...).
      E fico feliz que eu não pense nessas coisas sozinho; fico feliz por você ter se satisfeito com os aplicativos, mas também fiquei preocupado sobre você não se amar.
      Como eu disse, eu sempre prego o amor próprio. É difícil e trabalhoso, mas aos pouquinhos ele vem.

      E, claro, se emagrecer pra você é uma questão de saúde, como eu sempre digo também, é incontestável. Eu acho que esqueci de abordar isso no post, mas acho que saúde é uma questão muito mais importante que mera estética. Então, também te desejo força com essa questão e que você fique muito bem. Que sabe não consegue mais alguns boys ficando um pouco mais pop, não é mesmo? Hahaha
      Dois coelhos numa paulada só.

      E, sim, concordo plenamente, esse novo esteriotipo de urso ta cagando com o que realmente somos. Mas, enfim... Também falei demais rs.

      Abraços de urso <3

      Excluir
    2. Anônimo30/4/18

      cara vou ser sincero aqui e sei que muitas pessoas não vão gostar.Eu era gordo e barrigudo,não tinha amigos em lugar nenhum.Comecei a fazer musculação,meu corpo ficou definido,minha barriga ficou tanquinho,hoje tenho milhares de amigos,todo mundo quer estar comigo,tenho três perfis no Facebook e até arrumei um cara rico que me ama demais.Não me iludo e sei que esse amor é pelo meu corpo bombado.Nessa relação ele entrou com o dinheiro e eu com a pistola e o corpo bombado.Para as recalcadas,digo; não venham com lição de moral porque no fundo é inveja da parte de vocês.Enquandto vocês invejam,eu dou risadas no meu carrão do ano.Se eu soubesse que era tão bom assim teria começado a cuidar do meu corpo a muito tempo atras.

      Excluir
    3. Oi amigo,
      Não estou aqui para julgar, acho que cada um sabe o que faz com sua vida e principalmente seu corpo. Mas, para ser sincero, seu caso me deixou preocupado com você.
      Acho um pouco triste que você pense que porque você era gordinho não chegava a nem ter amigos, e não creio que seja verdade. Amigos de verdade não gostam de você pela aparência.
      Espero que você viva em sua nova vida e com sabedoria.

      Tudo de bom,
      abraços de urso <3

      Excluir
    4. Anônimo2/5/18

      Ta preocupado comigo? Rindo aqui até 2030 da bicha gorda revoltada.

      Excluir
    5. Oxe... Que bom que te faço rir, mas garanto que não tem ninguém revoltado aqui rs
      Cuidado pra não rir demais e sufocar.

      Muito amor pra ti,
      Abraços de urso <3

      Excluir
    6. Anônimo11/5/18

      A bicha gorda que criou um blog para contar suas gordices.

      Excluir
  2. Anônimo25/5/18

    Acho que sou o "diferentão" do rolê.

    Melhor boquete que já recebi na vida está diretamente ligado aos bear's. Então não é atoa que sempre dou preferência para eles, inclusive um conhecido (casado) mas mama igual a uma puta! <3

    E sim não sou gordinho (sou magro até de mais) kkkkkkkkkkkkkkkkkkk"
    Mas sinceramente não tenho problema nenhum com relação a isso, sabe mesmo o que eu quero? GOZAR não importa em qual buraco ou quem está me chupando.

    uplust.com/deadpooluncut

    Ficou curioso? Não fique bb entre no link acima para conhecer meu "AMIGÃO". Bjo pro cs.

    ResponderExcluir
  3. I Read your blog, it’s so informative:
    Explore the Ganges Ghat, Banaras and Great Shiv Temple with the Golden Triangle Tour With Varanasi. Enjoy the Varanasi Tour Package by Pacific India Tour ..
    Thanks
    India Trip Designer
    www.indiatripdesigner.com

    ResponderExcluir

Postar um comentário